Projeto BiodivAMP

Projeto BiodivAMP
Financiado pelo Fundo Azul, o projeto BiodivAMP procura desenvolver ferramentas para monitorizar e proteger a biodiversidade em Áreas Marinhas Protegidas ao longo da costa portuguesa, liderado pelo ISPA-Instituto Universitário e pelo MARE — Centro de Investigação em Biologia Marinha, reunindo especialistas de várias outras entidades, nomeadamente da Naturalist, ANP|WWF, CCMAR, Câmara Municipal de Esposende, EcoAlga, Instituto Politécnico de Leiria e Museu de História Natural do Funchal, numa ação que decorre entre os meses de agosto e setembro próximo.
Este projeto da tutela do Ministério do Mar assenta em 3 eixos, designadamente, a criação de um Manual de Boas Práticas para a monitorização e gestão das Áreas Marinhas Protegidas na costa portuguesa, o desenvolvimento um projeto-piloto de monitorização da biodiversidade, já em curso, onde estão a ser estudados os ecossistemas marinhos em 6 das AMP´s nacionais: Litoral Norte, Berlengas, Parque Marinho Professor Luiz Saldanha (Parque Natural da Arrábida), Parque Marinho do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, Área Protegida de Gestão de Recursos do Canal Faial-Pico/Sector Faial (Açores), e Reserva Natural Parcial do Garajau (Madeira), e a disseminação das atividades e resultados obtidos no âmbito do projeto, no intuito de, não somente dar a conhecer ao público em geral a importância destas áreas protegidas, bem como dotar os stakeholders, com ferramentas por forma a assegurar a sua gestão de uma forma mais eficaz e sustentável.
 
Saiba mais sobre este projeto em: https://areasmarinhasprotegidasportuguesas.org/ 
Voltar
Partilhar
Youtube Flicker RSS ISSUU
Madeira. Tão Tua World´s Leading Island Destination 2020 - WTA Award SRTC Região Autónoma da Madeira